terça-feira, 18 de abril de 2017

Está o Pentágono usando bombas MOAB contra Gigantes escondidos em Afghanistan ?



Em 12 de abril, a Força Aérea dos EUA lançou a maior bomba convencional do arsenal do Pentágono para expulsar terroristas do Estado islâmico de acordo com relatórios oficiais do Pentágono. No entanto, testemunhos de informantes sugerem outra razão para o uso da bomba MOAB. O objetivo não revelado é liberar, capturar ou destruir gigantes escondidos no antigo sistema de cavernas do Afeganistão que possuem segredos tecnológicos que remontam às origens da civilização humana.

A bomba pesada de explosão de munição maciça no ar (MOAB), ou "mãe de todas as bombas" (Mother Of All Bombs) contém 21.600 libras (9720 kg) de explosivos e tem um raio de milha (1600 mts) de comprimento. A Intercept informou que o MOAB não foi usado pela administração Bush em 2003 devido a temores de danos colaterais. 

O presidente Donald Trump parece estar cumprindo sua promessa de "bombardear a m..." do ISIS. Mas ele está? Os terroristas do ISIS são os verdadeiros alvos ou apenas uma cobertura para um inimigo não revelado? Uma ameaça sobre a qual Trump pode não ter sido informado, pelas artimanhas do "Governo oculto" do que está realmente por trás do ataque do Pentágono.

Um número de denunciantes apresentou histórias de gigantes escondidos no Afeganistão e em outros locais, onde esses gigantes estão atualmente despertando das "câmaras de estase" em que estiveram dormindo durante milhares de anos.

O denunciante do programa espacial secreto, Corey Goode, foi um dos primeiros a divulgar publicamente a existência de "câmaras de estase" que mantêm gigantes perfeitamente preservados há milênios.

Em uma entrevista de 4 de agosto de 2015, Goode discutiu como ele tinha acessado informações no “aparelho de vidro inteligente (smart-glass pads) durante seu serviço secreto sobre esses gigantes dormindo e a tecnologia das câmaras de estase que as preservavam. Goode disse :

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Antárctica e os Anjos Caídos Presos do Livro de Enoch


ESCRITO PELO DR. MICHAEL SALLA EM 4 DE ABRIL DE 2017 . 

O 14 de Março, o "Israeli News Live" publicou uma provocativa historia titulada “Os anjos Caídos presos na Antártica ainda estão vivos

O comentarista, Steven Ben-Nun, analisou o livro apócrifo de Enoque , que descreve as experiências de Enoque, uma figura bíblica pre-diluviana, que foi levada aos céus para testemunhar e desempenhar um papel fundamental em um grande conflito celestial.

Enoque tornou-se o principal intermediário entre os dois lados do conflito entre os "Anjos Caídos" e os "Anjos Justos" servindo a uma divindade conhecida como "o Senhor". Houve várias questões no conflito, como o cruzamento dos anjos caídos e / ou a realização de experimentos genéticos com a humanidade, e a transferência de conhecimentos e tecnologias proibidas para a civilização humana ainda em desenvolvimento.

O Livro de Enoch começa com a chegada de 200 anjos caídos na área do Monte Hermon, que faz fronteira com o moderno Líbano e Síria. Os anjos caídos começaram o cruzamento e / ou modificar geneticamente os habitantes locais.

6.1 E aconteceu que, quando os filhos dos homens se multiplicaram, naqueles dias nasceram para eles belas e belas filhas.

6.2 E os Anjos, os filhos do Céu, os viram e os desejaram. E disseram uns aos outros: "Vinde, escolhemos para nós esposas, dos filhos dos homens, e geremos, para nós, filhos".

6.6 E eram, em tudo, duzentos, e desceram sobre Ardis, que é o cume do monte Hermom. E chamaram a montanha de Hermom, porque nela juravam e amarravam-se uns aos outros com maldições. [ Fonte ]

sexta-feira, 24 de março de 2017

Desestabilização de Plataforma de Gelo Antártica pela corrida por Artefatos Alienígenas antigos e Novas armas




Pelo Dr. Michael Salla e Corey Goode

Um esforço multinacional para escavar regiões chaves da Antártida em busca de artefatos de uma civilização de refugiados alienígenas congelada tem criado desestabilização de grandes plataformas de gelo do continente, de acordo ao informante do Programa Espacial Secreto Corey Goode. Ele ainda revela que bases militares secretas em Antártida estão usando alguns dos artefatos para o desenvolvimento de armas em violação ao Tratado da Antártida 1959, que estipula que os recursos do continente serão utilizados apenas para fins científicos.

Este artigo é o terceiro de uma série **. escrita de Corey a esta parcela final levou a ele ser o nosso primeiro empreendimento de escrita colaborativa. Para identificar quem está escrevendo para o leitor, eu [Michael Salla] assumirá o papel do narrador e distinguirei quando Corey está diretamente contribuindo em suas próprias palavras, ao invés de eu parafraseando o seu material de informação.

**Duas partes anteriores nos post anteriores em sequencia neste blog – Nota do Tradutor JV

A divulgação das ruínas da Antarctica é, todavia iminente, Corey informa que, como um número de variáveis-chave de impacto sobre quando e quanto deve ser revelado ao mundo sobre as descobertas, enquanto se mantem sigilo sobre os programas militares em curso para armar artefatos alienígenas.

quarta-feira, 22 de março de 2017

Memorando secreto de Donald Trump emitido para desclassificar (liberar) Tecnologia Anti-envelhecimento e Energia Livre

Memorando secreto de Donald Trump emitido para desclassificar (liberar) Tecnologia Anti-envelhecimento e Energia Livre


De Acordo com o denunciante do programa espacial segredo, Corey Goode, o presidente Donald Trump emitiu um memorando altamente confidencial logo após do 20 de janeiro, ordenando a libertação de um grupo de patentes classificada sobre anti-envelhecimento e saúde, junto com tecnologias de energia livre. O memorando Top Secret foi enviado para o Departamento de Defesa e da Comunidade de Inteligência, e devido a seu estatuto de classificação não será acessível a grande mídia para relatórios.

A informação recebida de Goode vem de um alto funcionário de uma inter-agência do programa espacial compreendendo a USAF, NRO, NSA, DIA que ele descreve como o Programa Espacial Secreto do Complexo Militar Industrial (MIC-SSP). O funcionário, que ele chama de "Sigmund", está investigando as alegações de Goode e está realizando a "troca de informações" com Goode no processo.

(ver Parte I no Post anterior) * nota do tradutor.

Em 16 de março, Goode me informou sobre suas reuniões em curso com Sigmund e / ou seus dois subordinados. As informações fornecidas por Goode foram originalmente previstas para ser lançado no artigo, "Endgame III", como a sequela para o popular artigo Endgame II e vídeo. No entanto, devido à urgência de liberar imediatamente estas informações, ele passou para mim para libera-la agora.

Em uma de suas "reuniões" com Sigmund (e / ou seus subordinados) no final de janeiro, Goode disse sobre Trump e a emissão de um Memorando Presidencial de desclassificar mais de 1000 patentes de um grupo de mais de 5000. A maioria das 1.000 patentes lidam com anti- envelhecimento e tecnologias de saúde, mas algum tipo de acordo com a ciência dos materiais e da bioquímica e alguns envolvem invenções de energia livre.

terça-feira, 21 de março de 2017

Oficiais da Força Aérea dos EUA investigam alegações do Programa Espacial Secreto da Marinha


Oficiais da Força Aérea dos EUA investigam alegações do Programa Espacial Secreto da Marinha






Funcionários de um programa espacial altamente classificado da Força Aérea dos Estados Unidos que opera um sistema de vigilância do espaço ao redor da Terra, estão investigando seriamente as alegações de denúncia, especialmente as que afirmavam que a Marinha dos EUA secretamente tem desenvolvido um programa espacial paralelo com naves de quilômetros de comprimento e embarcações pertencentes a oito agrupamentos tácticos capaz de operações no espaço profundo.

De Acordo com o denunciante do programa espacial secreto Corey Goode, um oficial sênior do programa da Força Aérea, que ele chama de "Sigmund", tem vindo a realizar "trocas de informação" com Goode para aprender sobre o suposto programa espacial da Marinha e sobre rumores de que cooperam com os nórdicos (extraterrestres) e outros grupos extraterrestres,

sexta-feira, 3 de março de 2017

Antártica - Colonia extraterrestre ainda se encontra em câmaras de estase...

Dr. Michael Salla

Historia Secreta da Antártica - Colonia extraterrestre cria linhagens na Terra
O Informante do Programa Espacial Secreto, Corey Goode, revelou mais informações surpreendentes sobre a Antártida e sua história como a colônia de refugiados extraterrestre estabelecida cerca de 60.000 anos atrás. Ele afirma que os refugiados alienígenas encontraram  tecnologias avançadas de "Raça Construtora" que foram criadas faz 1.8 bilhões de anos.
Igualmente intrigante é sua afirmação de que alguns dos refugiados extraterrestres ainda estão vivos hoje em câmaras de estase, localizado dentro de uma nave mãe de 30 milhas de comprimento enterrada sob 2.000 pés de gelo abaixo de Gelo Ross Ice Shelf, na Antártida.
No programa de Goode Divulgação  Cosmica  do  21 de fevereiro de 2017 afirmou que ele continua a receber informes de um executor USAF do programa espacial secreto sobre as escavações na Antártida sendo conduzidas por arqueólogos, que começou em 2002. Em um artigo anterior, eu descrevi o que Goode disse-me sobre os informes USAF, e o que ele tinha encontrado durante uma visita em janeiro 2017 para a Antártida com os “Anshar” da civilização do interior da Terra.

domingo, 29 de janeiro de 2017

Visita à Antártica Confirma Descoberta de Restos Congelados de Antiga Civilização Extraterrestre



Descrição artística das ruínas encontradas sob a antártica. 
 Permissão: Sphere Being Alliance

 Escrito pelo Dr. Michael Salla em 25 de janeiro de 2017 .

No início de janeiro de 2017, o denunciante do programa espacial secreto, Corey Goode, disse que foi levado para a Antártica para testemunhar as primeiras escavações científicas de ruínas de uma antiga civilização congelada, enterrada sob dois quilômetros de gelo. Enquanto a descoberta das ruínas remontam à primeira expedição alemã nazista em 1939 de acordo com Goode, é somente desde 2002 que as escavações por arqueólogos e outros cientistas foram permitidas. Os arqueólogos supostamente prepararam documentários e trabalhos acadêmicos cuja liberação irá surpreender a Comunidade científica.
Em uma atualização Del 11 de Dezembro de 2016 , Goode descreve como ele estava ciente anteriormente das escavações na Antártida de várias fontes, e então as escavações também lhe foram reveladas por um oficial sênior dentro de um programa espacial secreto conduzido pela USAF que ele chamou de "Sigmund" , Sigmund liderou uma missão secreta envolvendo abduções múltiplas onde Goode estava sendo testado para a fidelidade de sua informação.
Depois de estar satisfeito com a precisão das informações e fontes de Goode, Sigmund inesperadamente compartilhou alguns dos seus conhecimentos sobre as escavações na Antártica. Envolveu uma antiga civilização liderada por "pré-Adamites"  de 10-12 pés de altura  com crânios alongados.
Três naves-mãe de forma oval de cerca de 30 milhas de diâmetro foram descobertas nas proximidades revelando que os pré-adamitas eram de origem extraterrestre e tinham chegado na Terra cerca de 55.000 anos atrás. Um dos três navios foi escavado e descobriu-se que possui muitas espaçonaves menores no seu interior. A civilização pré-adamita, pelo menos a parte dela baseada na Antártida, foi congelada em um evento cataclísmico que ocorreu há aproximadamente 12.000 anos.
Goode também foi informado por seus contatos de que as tecnologias mais avançadas e os restos de pré-adamitas foram removidos de um sítio arqueológico que será tornado público. Equipes de arqueólogos têm trabalhado com o que restou, e disse para manter em segredo as outras coisas que  tinham visto.